# 31 - O fiador misterioso


Um jovem cristão acabara de iniciar-se na nova vida e nesta euforia típica dos neófitos, se envolve em uma verdadeira busca por iluminação espiritual e santidade, mas e em pouco tempo chega a uma conclusão horrível: Quanto mais tentava obedecer os mandamentos, mais percebia que existia um grande abismo entre a vida que levava e o ideal exigido por Deus para o seu povo.

Em seu desespero ele inicia varias campanhas pelas igrejas, participa de jejuns de Daniel, se envolve em correntes de oração, assume votos de santidade e pureza, faz uso de palavras para determinar vitórias, mas no final de tudo, continua com o mesmo pensamento e a angústia e o fracasso lhe pesa ainda mais na mente.

Alucinado pela revelação de sua total incapacidade de vencer o pecado, ser perfeito e assim andar em santidade que agrada a Deus, o jovem começa a pedir ajuda aos grandes pastores da televisão, e envia e-mails para todos os grandes nomes da mídia gospel, somente para chegar a um abismo ainda mais profundo devido a total falta de atenção e descaso recebidos da parte deles.

Já sem ninguém a recorrer e a um passo do suicídio, o jovem novo-convertido se lembra de um ex-pastor que fora autoridade entre os religiosos, mas que quando resolveu assumir seus pecados e confessar sua humanidade fraca fora expulso, desnudado e exposto ao mundo como um lobo vestido de ovelha, um endemoniado entre os santos!


Decidido a se suicidar, o jovem resolve apenas mandar um e-mail para este homem, sem muita esperança de ver sua dor sarada nem seus problemas resolvidos, mas apenas como um último suspiro. Para sua surpresa, em menos de duas horas, sua caixa de email recebe uma mensagem deste ex-pastor que dizia algo que foi poderosamente capaz de lhe impedir de se suicidar de tristeza



"Querido amigo,


Não se turbe o vosso coração! Creia em Deus e creia também em mim:

O reino de Deus é semelhante a um homem assalariado que compra uma mansão a um preço tão alto, que precisa financiá-la em 1000 prestações de R$ 5000,00 submetendo-se a pagar novamente todas as prestações já quitadas, caso atrase qualquer uma das prestação pendentes.

E
havia pois, uma doença neste homem e ele não sabia, e quando a grave doença se manifestou, abateu-lhe as forças e o impediu de trabalhar, atrasando assim algumas prestações e por conseguinte, zerando todas as parcelas já quitadas anteriormente; retornando a sua dívida ao valor inicial da compra.

E eis que então este homem doente, triste e falido, intenta suicidar-se devido o tamanho de sua desgraça. Ele Teria tido êxito se não fosse procurado pelo vendedor da mansão que veio lhe consolar com a noticia de que um fiador se apresentara e de uma só vez, não só quitou o debito das parcelas passadas como ainda efetuou o pagamento de todas as parcelas restantes.

E o homem muito se alegrou! Nunca entendeu totalmente o fiador, mas viveu sua vida em eterna alegria e gratidão a ele!



Caso não tenha ficado claro o entendimento desta parábola, eu lhe digo que o comprador da mansão é você; a mansão é sua salvação; o alto preço e as condições rígidas de pagamento são as leis divinas; a doenças oculta que se manifesta com o tempo é o pecado e o fiador é JESUS!



Não se suicide, afinal, porque razão destruirias tua vida, pela qual o filho de Deus morreu para salvar e trazer significado?

Fica firme na graça de Deus e entenda que o evangelho não consiste em obedecer leis divinas, mas sim em crer que em Jesus somos perdoados por ter quebrado todas elas.


Afinal, pense bem! A única coisa que fazemos depois de nascer é pecar e quebrar todas essas leis divinas, mas Deus nos prova seu louco amor nisso: Em tendo ele nos amado ao ponto de morrer por nós, quando nós ainda éramos seus inimigos.


Agora que você o ama, e é amigo dele, ame-o mais intensamente devido ao fato de reconhecer que se ele não te perdoasse, você nunca alcançaria a vitoria sobre a morte, pecado e o diabo!


Se alegre em sua mansão, receba bem seus convidados e sempre recomende seu fiador para as pessoas que quiserem comprar uma casa!


Abraços daquele que não é conhecido por ninguém além de Deus, pois preferiu a gloria de Deus à dos homens e por isso, chama-se a si mesmo, apenas de SERVO GRATO"



Esta foi uma das parábolas da vida real, com as quais espero estar ilustrando um pouco do que Deus tem me ensinado através da vida, da bíblia e da caminhada na existência entre os mortais na terra dos viventes.

Fiquem com Deus, o Credor implacável que se fez Fiador de todas as nossas dividas


PEP

  1. gravatar

    # by cleide - 22 de abril de 2009 20:19

    amigo PEP amei essa sua mensagem assim como todas as outras que li. espero que o dom de escrever que Deus te deu se multiplique cada dia mais. beijos

  2. gravatar

    # by PEP - 22 de abril de 2009 20:26

    Na verdade o dom de escrever não é nada...valioso é o dom da vida, pois so escrevo do q vivo, e se to escrevendo muito, ou bem, é pq tenho vivido muito e bem hahaha

    bjs mana!

    bom te ver por aqui!

  3. gravatar

    # by manoela - 24 de abril de 2009 10:54

    show..
    conheço essa história...
    DEUS o abençoe sempre, amigo!

  4. gravatar

    # by Elô - 27 de abril de 2009 14:00

    É a segunda vez hj que leio algo parecido...
    O que seria de mim se não fosse a GRAÇA de Deus?
    Pois por ela sou salva e nao por mim!!!
    ISSO É LIIINDO E PERFEITO DEMAAIS que se torna meio incompreensivel... Mas o que importa é q ELE me AMOU e me AMA e a minha mansão ta garantida!

    bjooOo Pep!!!

  5. gravatar

    # by Éverton Vidal - 27 de abril de 2009 16:48

    Mano, eu sou fraco pra essas coisas... Lagrimei!
    É amor demais mano. Em Cristo é amor demais...

    Inté!

  6. gravatar

    # by PEP - 27 de abril de 2009 21:52

    é mano vidal!

    Eu diria quem em Cristo é amor demais, e fora dele nao ha nada!!!

    o amor é assi...

    OU É DEMAIS...OU NEM EXISTE!!!!

    É SIM SIM OU NÃO NÃO!!!!